Nós, mulheres, compomos mais da metade do eleitorado neste ano de 2010, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral. No entanto, são poucas as mulheres atuando na política. Na eleição desse ano, houve queda na participação feminina.

Na Câmara Federal, a bancada feminina caiu para 8,5% do total de deputados: foram eleitas 44 mulheres, contra 50 na eleição de 2006. A queda também foi registrada na Assembleia Legislativa de Pernambuco, onde a ala feminina diminuiu sua representação: reduziu de nove deputadas para apenas quatro.

Entretanto, foi registrado aumento no número de senadoras: a bancada feminina no Senado chega a 10 representantes (12,3% total). A bancada atual tem oito mulheres.

Para o cargo de governadoras, foram eleitas duas mulheres já no primeiro turno, e outras duas ainda disputarão o segundo turno.

Segundo dados da agência da ONU para igualdade de gêneros, no início deste ano, apenas 15 países tinham mulheres como chefes de Estado ou governo (excluindo rainhas que são chefe de Estado). Em todo o mundo, a porcentagem de mulheres parlamentares era, em maio deste ano, de 19,1%. Em 1995, esse porcentual era de 11,3%.

Anúncios