O Brasil é um Estado Laico. Ou seja, um Estado que, em tese, respeita as diversas práticas religiosas, mas suas políticas estão dissociadas da religião.

A prática, no entanto, demonstra que a liberdade religiosa ainda precisa ser consolidada no Brasil. A tentativa de imposição de dogmas religiosos nas políticas públicas afetam negativamente direitos básicos, inclusive à saúde e à dignidade. Quem não se lembra do Caso Alagoinha e tantos outros?

Um guia eleitoral que se pauta em propostas divinas nos parece duvidoso, já que a política se materializa com elementos tão concretos como a vontade política e o orçamento público.

Anúncios